Quatro Mitos Da Criação Do Homem Em Distintas Culturas: Sumérios, Egípcios, Maias e Incas

A criação da humanidade em quarto mitologias do mundo e a história dos deuses criadores Kukulkan, Viracocha, Rá e os Anunnaki.

Quatro histórias de deuses criadores, que muitas vezes realizaram várias provas e até se podia interpretar que usaram uma espécie de engenharia genética. Nessas mitologias se narra a criação do homem as margens do Lago Titicaca, a partir do Olho de Rá, e da inclusão do DNA Anunnaki.

ENKI DA MITOLOGIA SUMÉRIA

O mito da criação dos sumérios se encontra nas tábuas sumérias de escrita cuneiforme.

Os Anunnaki eram deuses extraterrestres que vieram para extrair minerais. O deus Enki propôs criar os seres humanos para realizar essa função exaustiva.

Enki, tomou o DNA de um Anunnaki e o mesclou com argila, criando o primeiro homem, que surpreendentemente, foi levado a um jardim, localizado entro os rios Tigres e Eufrates. Adiante, Enki criou Adapa, uma ser humano perfeito e independente.

DEUS RÁ DA MITOLOGIA EGÍPCIA

Durante a criação do mundo a partir de Nun (umas águas escuras do infinito), Rá (Deus do Sol) dá origem a Shu (ar, seca) e a Tefnut (humidade). Estas duas entidades dão origem a Geb (Terra) e a Nut (Céu).

Rá então envia um de seus olhos para vigiar o Céu e a Terra. A humanidade chegou a surgir das lágrimas desse Olho de Rá. Então o deus egípcio do Sol, criou as demais divindades, tomando forma humana para se converter no primeiro faraó do Antigo Egito.

TEPEU E KUKULKAN DA MITOLOGIA MAIA

No Popol Vuh, Tepeu e Kukulkan são os deuses criadores mais antigos. Ambos criaram a humanidade para preservar sua hereditariedade.

Na primeira tentativa deram vida a uma forma humana feita do barro, mas o experimento fracassou. A segunda tentativa com a madeira também fracassou, devido a uma carência de alma, culminado em um certo momento eles  “Não se lembravam de seu Criador, de seu Formador”. É por isso que o ser de madeira foi aniquilado com um dilúvio.

A última tentativa narra humanos criados de milho e água. No entanto, os deuses se preocuparam com a perfeição e conhecimento deste ser. Assim que decidiram “colocar um manto nos olhos”, tampando seu conhecimento. Isso seria como proibir comer os frutos da Árvore da Vida e da Árvore da Ciência do Bem e do Mal Antigo Testamento.

Aqui notamos espécies de engenharias genéticas.

VIRACOCHA DA MITOLOGIA INCA

Viracocha começou sua criação nas margens do Lago Titicaca, onde formou uma espécie de Adão e Eva incas talhados em pedra. Logo colocou o Sol, a Lua e as estrelas sobre a Terra.

A divindade se dirigiu ao norte e desde ali chamou aos seres humanos. No entanto, nenhum compareceu e é por essa desobediência se sentiu triste e revoltado. Viracocha então enviou chuva de fogo sobre a humanidade.

Os humanos se arrependeram, assim que Viracocha os perdoou, se dirigiram a Cusco, onde fundaram o Império Inca.  Em outra lenda, os dois sobreviventes foram Manco Capac e Mama Ocllo, e foram eles que fundaram Cusco.

CONCLUSÃO

Esses quatros mitos da criação servem como base para estudar o início da civilização, e nos contam que seres das estrelas desceram do céu a Terra, inclusive, mesclaram seu sangue para nos formar.


Referências:

Anciet Origins: https://www.ancient-origins.es/mitos-leyendas-americas/el-popol-vuh-003235 e https://www.ancient-origins.net/news-human-origins-folklore/origins-human-beings-according-ancient-sumerian-texts-0065

Pueblos originales: https://pueblosoriginarios.com/sur/andina/inca/creacion.html

TheologyWebsite.com: http://www.theologywebsite.com/etext/egypt/creation.shtml

Codigo Oculto: https://codigooculto.com/2019/12/cuatro-mitos-de-la-creacion-del-hombre-en-distintas-culturas-sumerios-egipcios-mayas-e-incas/

Rafael Barros

Bacharel em Ciências da Computação e pesquisador da Teoria dos Antigos Astronautas.

2 comentários em “Quatro Mitos Da Criação Do Homem Em Distintas Culturas: Sumérios, Egípcios, Maias e Incas

  • 1 de janeiro de 2020 em 5:53 pm
    Permalink

    Estas, teórias, são muito: interessante!

    Resposta
  • 1 de janeiro de 2020 em 5:56 pm
    Permalink

    Teórias, fantásticas!!!

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *